Miniconto I

Sentaram. A mulher tentava segurar as lágrimas. Sorria, de alguma forma. Devia estar feliz, sabia que devia estar feliz. Mas como ele reagiria? Uma idosa se aproximou oferecendo rosas. Ele comprou uma. A mulher olhou para a flor, o broto preso no caule. O broto que jamais brotaria. Não aguentou mais. Chorou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *